Por que a Mulher Elástica é a personagem mais empoderada da Disney

Por que a Mulher Elástica é a personagem mais empoderada da Disney

Princesas indefesas? Que nada! Até mesmo a Disney percebeu que o estereótipo de mulheres frágeis já não cola mais. Depois de deixar todo mundo apaixonado pela determinação e coragem da personagem Moana, a empresa traz mais um mulherão da p*rra pra mostrar que empoderamento feminino também tem lugar nos desenhos animados.

Em “Os Incríveis 2”, toda a família tem seus dons especiais, mas a Mulher Elástica é quem realmente rouba a cena. A animação inverte os papéis tradicionais de gênero e, de quebra, ainda dá uma cutucada na masculinidade tóxica dos super-heróis…

Pode ter certeza de que mesmo quem não tem poderes especiais vai se identificar com algumas das situações protagonizadas pela protagonista.

Os números não mentem

No filme, a heroína é escolhida para uma missão solo. O motivo? Suas aparições eram bem menos desastrosas do que as dos super-heróis homens. Quando eles entravam em cena, era bem mais provável que o seguro precisasse ser acionado. A brincadeira provavelmente foi inspirada em dados do trânsito da vida real, onde as mulheres já provaram ser mais prudentes.

Por falar em trânsito…

A Mulher Elástica não tem limites mesmo. Ela arrasa ao sair com sua elastimoto para salvar o mundo sozinha, dirige helicópteros, navios e parece capaz de conduzir praticamente tudo aquilo que se move. Numa das cenas, os fãs chegam a gritar para ela do carro vizinho: “Uhul, empoderada!“.

O machismo nosso de cada dia

Quando a Mulher Elástica é escolhida para uma missão especial, ela precisa encarar o ciúme do maridão Fantástico. A heroína prova que é flexível até nesse caso, dá uma despistada e encara a oferta para salvar o mundo, enquanto o companheiro se vira para cuidar das crianças e da casa na ausência dela.

Sem romantismos

Muitos papéis de mulheres poderosas caem na armadilha da “mulher perfeita”, que salva o mundo e chega em casa a tempo de fazer a janta, sem um fio de cabelo despenteado. O mais bacana é que a Mulher Incrível vence isso quando deixa o Sr. Fantástico cuidando das crianças e coloca a própria carreira em primeiro lugar. Afinal, não precisa ter superpoderes para entender que a responsabilidade pelos pequenos é de ambos, né?

Ela apenas salva o mundo

Durante sua missão, a Mulher Elástica salva o mundo praticamente sozinha e ainda recupera a confiança da população nos super-heróis. Como ela mesmo diz: “Deixar que os homens salvem o mundo? Acho que não!”.

Fonte: Hypeness

Cristina Cruz - Mentora
[email protected] | Website | + posts

Idealizadora e CEO do Mulheres Milionárias. Mentora de negócios e carreira. Investidora internacional em três categorias (finanças, negócios, capital humano). Business advisor. Empreendedora nata. Especialista em comportamento humano. Desenvolveu um método que trabalha mindset milionário, empreendedorismo e felicidade simultaneamente. Após superar diversos abusos na infância e adolescência e também a dois atentados contra a sua vida, sua missão e propósito é transformar vidas pelo mundo ensinando que é possível virar o jogo.

Cristina Cruz - Mentora

Idealizadora e CEO do Mulheres Milionárias. Mentora de negócios e carreira. Investidora internacional em três categorias (finanças, negócios, capital humano). Business advisor. Empreendedora nata. Especialista em comportamento humano. Desenvolveu um método que trabalha mindset milionário, empreendedorismo e felicidade simultaneamente. Após superar diversos abusos na infância e adolescência e também a dois atentados contra a sua vida, sua missão e propósito é transformar vidas pelo mundo ensinando que é possível virar o jogo.

Deixe uma resposta

ArabicEnglishFrenchItalianPortugueseSpanish
Instagram
Facebook
Facebook
Twitter
Visit Us